O WinWar (página oficial), atualmente na versão 5.90, é um software para compressão e descompressão de arquivos publicado pela empresa alemã win.rar GmbH.

Inicialmente criado pelo engenheiro de software russo Eugene Roshal, tudo começou em 1993, com o lançamento de um aplicativo utilizável via linha de comando (RAR e UNRAR).

A primeira versão para Windows do programa foi lançada em 1995, já com o nome de WinRar, para Windows 3.x.

Sobre o WinRar

Totalmente localizado em português do Brasil, além de mais de 40 outros idiomas, o WinRar é extremamente amigável. Simples de usar, mesmo, além de poderoso e repleto de recursos.

O aplicativo da win.rar GmbH é capaz de compactar e compactar arquivos em uma grande variedade de formatos, incluindo os mais populares, como por exemplo ZIP e RAR.

WinRar - Tela Inicial

Vale também ressaltar que o formato RAR é um formato proprietário desenvolvido por Eugene Roshal e licenciado pela win.rar GmbH. Aliás, RAR é a sigla para Roshal Archive.

A nova versão do WinRar, versão esta objeto deste review (5.90), trouxe inúmeras melhorias ao software, incluindo melhorias ligadas ao desempenho no processamento dos arquivos.

Foram também feitos diversos aprimoramentos no tocante à taxa de compressão de arquivos, incluindo maior velocidade na compressão e na descompressão.

Vale ressaltar que a empresa responsável pelo WinRar trabalha constantemente no mesmo, lançando atualizações com bastante frequência.

Obs: vale destacar também que o WinRar é o único software no mercado capaz de compactar arquivos no formato RAR.

Outros aplicativos do gênero podem descompactar arquivos .RAR, obviamente, mas comprimir, mesmo, em tal formato, apenas o software da win.rar GmbH é capaz.

O programa conta com versões para Windows, Mac, Linux, FreeBSD e Android. Ele possui uma interface bastante moderna e, como já dito acima, amigável.

Ele também conta com um prático assistente, o qual pode guiar o usuário através de alguns procedimentos, caso este se sinta inseguro por qualquer motivo que seja.

Formatos suportados

O WinRar suporta os seguintes formatos de arquivos:

Compressão

RAR, RAR 4 e Zip.

Formatos mais do que suficientes para trabalharmos em nosso dia a dia lidando com computadores, arquivos os mais diversos e compartilhamento via email e outros meios, incluindo serviços de armazenamento em nuvem.

Descompressão

Aqui, o programa é capaz de descompactar arquivos em diversos formatos: RAR, ZIP, CAB, ARJ, LZH, TAR, GZip, UUE, ISO, 0LZ, BZIP2, Z e 7-Zip (formato criado inicialmente pelo software opensource 7-Zip), dentre outros.

WinRar - Definições

Observe que temos, acima, formatos bastante conhecidos, como por exemplo ISO, ZIP, ARJ e o próprio RAR. Ou seja, você estará plenamente coberto ao utilizar o WinRar, pois o software trabalha com uma grande variedade de formatos de arquivos.

Arquivos que muitas vezes são padrão em diversas áreas, como por exemplo o formato TAR, muito utilizado em backups de servidores web.

O aplicativo é plenamente capaz, por exemplo, de descompactar arquivos no formato tar.gz. Além disso, o processo pode ser extremamente rápido e facilitado, caso você o utilize através do menu de contexto do Windows:

WinRar - Menu de Contexto do Windows

Consumo de recursos do sistema

O WinRar ocupa pouquíssimos recursos do sistema quando em funcionamento. Cerca de 4MB, apenas, em tempos em que outros softwares ocupam megabytes e mais megabytes (ou até mesmo gigabytes):

Gerenciador de Tarefas do Windows

Quando em operação, obviamente, este consumo sobe um pouquinho, dependendo da situação. Mas nos testes que realizei, pude constatar que o WinRar não ultrapassou 500MB, isto enquanto criando um arquivo RAR com mais de 240MB de dados (imagens e fotografias diversas).

Velocidades de compactação e descompactação

O software de compactação e descompactação de arquivos da win.rar GmbH gastou 11 segundos, apenas, para compactar uma pasta contendo 244 megabytes de dados.

Já no tocante à descompactação, para descomprimir o mesmo conteúdo, ele levou menos de 3 segundos. Bastante rápido, não?

Ainda fiz um outro teste, compactando também no formato RAR uma pasta com algo em torno de 3,32GB, incluindo fotos, imagens diversas, executáveis, arquivos PDF, etc.

WinRar - Descomprimindo Arquivo

O WinRar levou cerca de 4 minutos para compactar todo o conteúdo acima, tempo que considero bastante justo e aceitável, principalmente levando-se em consideração o tamanho da pasta.

O aplicativo é realmente bastante rápido – um dos mais rápidos que já testei – e permite, além disso, que o usuário acompanhe todo o processo, através da exibição de barras de progresso e percentuais (além do tempo decorrido e tempo estimado restante).

Taxa de compressão do WinRar

O WinRar consegue surpreender bastante, aqui também. A taxa de compressão tem a ver com o tamanho original do(s) arquivo(s) antes da utilização do software, e com o tamanho após o processo de compactação.

Isto pode variar, dependendo de uma série de fatores, incluindo o tipo de arquivo que está sendo compactado/comprimido. Nos testes que realizei, utilizei primeiramente uma arquivo executável com quase 5 megabytes. Após a compressão, obtive um arquivo .RAR com cerca de 1,2MB.

Bastante aceitável, não? Muito mais do que aceitável, eu diria.O WinRar se sai geralmente muito bem quando se trata de comprimir e descomprimir arquivos, sempre com boa estabilidade, velocidades altas e taxas muito boas.

Outros recursos do WinRar

O software ainda conta com outros recursos extremamente interessantes. Por exemplo, há um assistente disponível, o qual guia o usuário, passo a passo, durante processos de compressão, descompressão e adição de arquivos a arquivos comprimidos preexistentes:

WinRar - Assistente

E como qualquer bom programa compactador/descompactador que se preze, o WinRar também conta com um criador de arquivos SFX, ou seja, de arquivos “auto-extraíveis” / “auto executáveis”.

Assim, o programa cria um “pacote” com extensão .EXE que pode ser executado em qualquer computador rodando Windows. E vale lembrar que tal “pacote” pode ser perfeitamente utilizado por qualquer pessoa, mesmo sem a presença do WinRar na máquina.

WinRar - Arquivo SFX

Isto é bastante útil caso você deseje, por exemplo, criar “pacotes” para a instalação de algum programa desenvolvido, ou até mesmo para enviar a alguém, de forma simples e rápida, um pacote contendo vários e diferentes arquivos.

O destinatário (veja na imagem acima), poderá facilmente escolher o diretório destino, após rodar o executável enviado por você e criado através do WinRar. Para iniciar o processo, tudo o que ele precisa fazer é clicar em “Extrair”. Simples assim.

Algumas considerações finais

Como podemos perceber, o WinRar é um software muito mais do que adequado ao dia a dia de usuários domésticos e corporativos. Poderoso, amigável e com uma interface extremamente clean, o programa também consome pouquíssimos recursos do sistema.

Além disso, ele conta com vários recursos extras, tais como, por exemplo, possibilidade de criptografar arquivos, realização de testes em arquivos criados, para maior segurança, e verificações em busca de vírus, usando sempre a solução de segurança instalada na máquina em questão.

O programa custa atualmente US 29,00, o que dá algo torno de R$ 155,00. Infelizmente, este é um preço a pagarmos devido à desvalorização do Real frente ao Dólar, principalmente durante estes tristes tempos de pandemia do Coronavírus.

De qualquer forma, o aplicativo é um verdadeiro canivete suíço no que tange a compressores de arquivos, e o formato proprietário RAR é extremamente atrativo, dadas suas altas taxas de compressão, principalmente.

O WinRar é um dos melhores softwares do gênero, e você também pode testá-lo durante 40 dias, gratuitamente.